Associe-se

Fundada em 8 de março de 1935, a APCEF-PR é composta por milhares de associados, entre eles efetivos, contribuintes e sócios-família. Quem se filia pode usufruir de sedes localizadas em quase todo o Paraná e de outras associações da Caixa do país, obedecendo as suas normas de uso. Também tem a vantagem de aproveitar atividades e eventos para diversas faixas etárias durante o ano, ações voltadas aos interesses da categoria bancária e centenas de convênios com empresas e instituições de ensino.

 

Filie-se já e faça parte da família economiária do Paraná!  

Selecione a sua categoria:

 

Sócio Efetivo Sócio Contribuinte Sócio Família
Socio Efetivo - Funcionário Caixa
Socio Contribuinte

Sócio-família
Empregado da Caixa Econômica Federal da ativa e aposentado. Saiba mais Não é necessário ser empregado da Caixa, mas, para se filiar, precisa receber a indicação de dois funcionários do banco associados. Saiba mais Esse grupo contempla pai, mãe, filhos maiores, avós, netos, irmãos, cunhados, tios e sobrinhos, indicados por um sócio efetivo. Saiba Mais

  

 

Outros sócios

Sócio Convênio Fenae

Sócio Convênio Apajufe

Sócio Convênio Sindicato
dos Bancários

Sócio Convênio Fenae

Sócio Convênio Apajufe
Sócio Convênio Sindicato dos Bancários
Funcionários da Fenae ou PAR corretora associados. Saiba mais

Funcionário da Associação Paranaense dos Juízes Federais associado. Saiba mais

Filiados ao Sindicato dos Bancários de Curitiba e Região. Saiba mais

 

 

MATRIZ CAIXA 600X400.jpg

Não tem sentido! Caixa lucra mais, mas com redução do papel social e dos investimentos

O banco teve lucro líquido 11,5 bilhões entre janeiro e setembro. Mais uma vez, resultado recorde foi obtido com retratação do crédito, mais tarifas e redução do número de empregados

card-fenae-deficit-02.png

Deficit da Funcef continua crescendo

Fundação ganha mais com juros cobrados dos participantes no CredPlan do que com os títulos públicos. FIPs têm a maior valorização, com 10,89%

Matriz3-600x400.jpg

CEE/Caixa se reúne com o banco no dia 12 de dezembro

Dionísio Reis, coordenador da comissão, lembra que os empregados do banco podem enviar sugestão de patuás para as mesas de negociações