Futebol tem competições e atividades o ano todo

Bola na trave não altera o placar./Bola na área sem ninguém pra cabecear./Bola na rede pra fazer o gol./Quem não sonhou em ser um jogador de futebol? Mesmo quem não pensou em ser boleiro, como diz a música do Skank, pelo menos já jogou com os amigos ou assistiu a uma partida desse esporte tão popular no Brasil.

Na APCEF-PR, o futebol tem espaço garantido no calendário esportivo anual. Há competições e treinos para diversas faixas etárias. Na capital, as crianças podem aprender a bater bola e desenvolver seu talento na escolinha de soçaite.  

Para os marmanjões, as opções em campo são os campeonatos de futebol soçaite e sintético. O primeiro contempla a modalidade livre, mas também preza por aqueles que têm a partir de 40 anos (Quarentinha) e 50 anos (Cinquentinha). Os veteranos ainda têm a possibilidade de jogar em grama sintética e divertir-se com a cumbuca.

Futebol de mesa Para os aficionados pelo esporte, mesmo fora de campo, há o futebol de mesa, conhecido também como futebol de botão. Os treinos e jogos ocorrem às quintas-feiras à noite, na sede social.

Como participar: Acompanhe a programação divulgada nos meios de comunicação da APCEF-PR (Site, Facebook e informativos eletrônicos).

Contato: (41) 3083-1020, monitor@apcefpr.org.br; esportes@apcefpr.org.br.

Diretor de Esportes: Emerson Pinto
Gerente de Esportes: Ester Kokubu

Coordenação de futebol soçaite: Francisco de Assis Tucunduva Sobrinho –
telefone (41) 98898-7980 e 3527-5939
Coordenação de futebol soçaite livre: Clodoaldo Ademar de Oliveira  – telefone (41) 99960-3932
Coordenação de futebol soçaite master: Rafael Leandro Krainski Ribeiro - telefone (41) 98871-1109

Coordenação de futebol soçaite 50 +: Silvano Zanon - telefone (41) 3274-5379 e 99640-0499

Colaboração de futebol: Guilherme Carriel

 

 

 

 


bot_o associe-se.png

saude_caixa.png

Falhas em cobrança do Saúde Caixa demonstram sucateamento da gestão

Na semana em que usuários protestaram em defesa do plano de saúde, débitos em duplicidade geraram transtornos aos trabalhadores

Materia-EFC-Circo.jpg

Incentive o acesso à arte! Destine parte do seu IR devido para produções culturais

A adesão ao Eu Faço Cultura, projeto da Fenae e das Apcefs que democratiza o acesso à cultura em todo o país, segue até o dia 17 de dezembro. Mas não deixe para a última hora! Cadastre-se o quanto antes

pesquisa_bancaria.png

Estudo aponta que bancos fecham 2.675 postos de trabalho em cinco meses de 2018

Dados são do Caged, órgão do Ministério do Trabalho. Maiores saldos negativos foram registrados em São Paulo, Rio de Janeiro e Paraná. Demissões na Caixa ocorreram devido ao programa de desligamento de empregados