Quer usar churrasqueiras ou hospedar-se? Faça sua reserva!

Na sede social, em Curitiba, os associados têm a oportunidade de utilizar várias instalações, reservando-as antecipadamente. É o caso da pousada, churrasqueiras, salões de festas, espaços gourmet, restaurante e espaços esportivos. As reservas podem ser feitas com até 90 dias de antecedência e, se for para menos de 7 dias, devem ser realizadas por e-mail.

No caso das sedes pesqueira de Porto Rico e litorânea de Caiobá, especialmente fora da temporada, é possível fazer reserva e se hospedar nos apartamentos, dependendo da disponibilidade de vagas. Na alta temporada, no litoral, funciona o sistema de seleção. Caso restem unidades, aí é formada lista de espera e readequação de vagas.

Mas atenção: só quem pode reservar os espaços são o sócio titular e o cônjuge dependente. Para eventos com convidados, deve ser encaminhada uma lista com o CPF dos convidados 48 horas úteis antes da data do evento.

Como funcionam: as reservas de churrasqueiras, espaços gourmets, Porto Rico e Caiobá com até 7 dias de antecedência são realizadas pelo acesso online. Fora desse prazo, as reservas, incluindo pousada e restaurante, devem ser feitas por WhatsApp (41) 8710-1397 ou pelos e-mails: sedes@apcefpr.org.bre churrasqueiras@apcefpr.org.br. Para os espaços esportivos, o contato pode ser feito também WhatsApp (41) 8710-1395 e pelo e-mail esportes@apcefpr.org.br 

Investimento: clique aqui e confira a tabela de valores dos espaços.

6_Inaugura__Aes_Bel_igua - Copia.gif

Novas inaugurações marcam três anos do Movimento Solidário em Belágua

Em mais uma etapa das ações voltadas para melhoria das condições de vida das famílias do município maranhense, serão entregues dois tanques de peixe, uma casa de farinha e a segunda fase do projeto de abelhas sem ferrão

MatrizCaixa4-600x400.jpg

Caixa anuncia novos vice-presidentes. Dois deles não são empregados do banco

Nomeados são egressos de bancos como Santander e Fator e vão reforçar cultura privatista que se tenta impor à instituição

VOTACAO_PDC 956.jpg

Trabalhadores conquistam primeira vitória contra CGPAR no Congresso Nacional

Após aprovação unânime na CTASP, projeto precisa passar pela CCJ, Plenário da Câmara e Senado. PDC 956/18 pede sustação de resolução que inviabiliza as autogestões de saúde

Trabalhadores conquistam primeira vitória contra CGPAR no Congresso Nacional

Após aprovação unânime na CTASP, projeto precisa passar pela CCJ, Plenário da Câmara e Senado. PDC 956/18 pede sustação de resolução que inviabiliza as autogestões de saúde

07/11/18 19:35

Enquete