22/05/20 15:48

Auxílio Emergencial: evite filas - pague contas e faça compras sem sair de casa

Card-auxilio-emergencial-2-600x400 22.05.jpg

O pagamento da segunda parcela do auxílio emergencial trouxe algumas novidades para evitar as filas nas agências da Caixa. A partir de agora, todos os beneficiários vão receber o valor pela Poupança Social Digital Caixa. Quem recebeu o recurso não poderá fazer transferências pelo aplicativo Caixa TEM e nem realizar saques até o dia 30 de maio. Mas é possível pagar contas e fazer compras por meio do cartão de débito virtual.

O cartão de débito virtual é emitido gratuitamente pelo aplicativo Caixa TEM. Diversos estabelecimentos já aceitam este tipo de pagamento como redes de supermercados, lojas de departamentos, farmácias e postos de combustíveis. A cada dia mais empresas se habilitam para efetuar a compra.

Também é possível comprar em lojas físicas. Para isso, a Cielo adaptou um modelo de maquininha para receber o pagamento por meio do cartão de débito virtual. O cartão é seguro. A cada compra, é preciso gerar um novo código, mas o número do cartão permanece o mesmo. No ato do pagamento, basta inserir na maquininha o código gerado no aplicativo e finalizar a transação.

Como gerar e usar o cartão de débito virtual Caixa TEM – os beneficiários que recebem pela Poupança Social Digital Caixa podem utilizar o cartão de débito virtual para compras na internet em sites e aplicativos que aceitam débito. A utilização é segura e a compra é debitada diretamente da conta, não precisa sair de casa.

 Saiba como emitir:

- É preciso confirmar se o aplicativo Caixa TEM está atualizado;

- Acesse o aplicativo Caixa TEM e, na tela inicial, selecione a opção "Cartão de Débito Virtual";

- Na tela, selecione a opção "Usar agora meu Cartão de Débito virtual";    

- Digite sua senha do Caixa Tem, que foi cadastrada para usar o aplicativo;

- O aplicativo vai mostrar uma imagem com dados do cartão para o beneficiário utilizar na internet: número com 16 dígitos, validade e código de segurança de 3 dígitos. A partir daí já é possível utilizá-lo.

- Agora basta informar os dados fornecidos pelo aplicativo nas lojas que aceitam débito.

 

 

 

Compartilhe