02/10/20 16:40

Do baby ao adulto, APCEF abre turmas de balé para diversas faixas etárias

Baleclassico_diversasidades.20.2.1.jpg

Quanto mais cedo se faz balé, mais ganhos se têm no desenvolvimento físico e mental. Mas se engana quem pensa que é preciso ter iniciado a atividade na infância para acompanhar as aulas. Se há vontade de praticá-la, independente da idade, basta providenciar o colantt e a sapatilha e começar.

Foi pensando nessa possibilidade que a APCEF-PR abriu turmas de balé clássico também para as categorias juvenil e adulto. Agora, os associados poderão matricular as crianças, a partir de 3 anos, nas aulas e até entrar na dança, mesmo que já esteja com cabelos brancos. O reinício das atividades está marcado para o dia 19 de outubro.

Para segurança dos aprendizes de bailarinos, estão sendo providenciados todos os cuidados necessários para evitar a contaminação por covid-19. A começar pelo distanciamento social, cada turma – baby, infantil, juvenil e adulto – disponbiliza apenas cinco vagas.

Como vai funcionar
A professora Jordana Bonette, que estará à frente das turmas, diz que não é preciso ter experiência anterior para participar, mas ressalta a importância de se usar a roupa adequada. “No segundo mês de atividades, o uniforme será obrigatório. As crianças deverão usar collant, meia e sapatilha rosa, enquanto os juvenis e adultos terão de usar collant preto. Assim, eles vão se familiarizando com o universo do clássico”, reforça a professora, incluindo a máscara nas vestimentas, já no primeiro dia de aula.

Há seis anos ensinando dança, Jordana conta que aplicará nas aulas o método Vaganova, aprendido no curso que fez para professora no Bolshoi. Segundo ela, essa técnica usa princípios tradicionais do balé, como barras e espelhos, mas que são adaptados de acordo com o público. “As aulas para os pequenos são mais lúdicas. Quando os alunos vão crescendo, reforçamos o ensino dos fundamentos do clássico, mas ele tem caráter livre e não de formação”.

No balé, giros, pliés, movimentos com as mãos e outros passos proporcionam diversos benefícios aos praticantes. Coordenação motora, lateralidade (diferença entre lado esquerdo e direito), disciplina e sociabilidade estão entre eles, especialmente no caso dos sócios mirins, informa a professora. Para os adultos, destacam-se: melhoria da memória, estímulo à autoconfiança, fortalecimento do condicionamento físico, flexibilidade e equilíbrio.

As aulas acontecerão às segundas, quartas e quintas-feiras na sede social, a maioria no horário noturno. Além do valor mensal, a novidade são os planos trimestral e semestral – com opções de uma a duas aulas por semana (veja abaixo).

Os interessados deverão fazer matrícula com a professora Jordana Bonette, pelo telefone (42) 9801-8680

Conheça o protocolo de segurança para as aulas presenciais de balé.

Confira a grade das aulas:

Segunda-feira
18h15min às 19h15min - Baby (3 a 5 anos)
19h30min às 20h30min – Adulto (a partir de 16 anos)

Quarta-feira
10h às 11h (manhã) - Infantil (6 a 10 anos)
17h às 18h - Juvenil (11 a 15 anos)
18h15min às 19h15min - Baby (3 a 5 anos)
19h15min às 20h15min - Infantil (6 a 10 anos)

Quinta-feira
19h45min às 20h45min - Adulto

Mensalidades das aulas

Plano mensal
Duas vezes na semana R$ 120,00
Uma vez na semana R$ 80,00
Desconto para quem já prática outras modalidades ou tem irmãos praticando
Duas vezes na semana R$ 100,00
Uma vez na semana R$ 70,00

Plano trimestral
(somente em 3 cheques antecipados com valor de cada mês ou 3 boletos com valor de cada mês)
Duas vezes na semana R$ 100,00
Uma vez na semana R$ 70,00

Plano semestral
(somente em 6 cheques antecipados com valor de cada mês ou 6 boletos com valor de cada mês)
Duas vezes na semana R$ 95,00
Uma vez na semana R$ 60,00

Compartilhe